Historial

Orfeão de Espinho

Fundado a 11 de Fevereiro de 1911, teve a primeira apresentação pública em 28-04-1912 apadrinhado pela grande atriz Mirita Casimiro, sob a regência do seu 1º Maestro o Dr. Fernando Matos.

Nestes 100 anos até aos nossos dias o Orfeão manteve uma intensa atividade artística, promovendo a sua cidade e representando o seu país. Muitos foram os diretores artísticos que fizeram história nesta coletividade, entre eles destacamos o saudoso Maestro Fausto Neves que ainda nos inícios do século XX soube, com seu carisma, com a sua alegria e disciplina, imprimir um cunho de qualidade e integrar de forma efetiva, esta sociedade coral no movimento orfeónico emergente. Nesse período executou um vastíssimo repertório onde se integram as canções da Beira-mar, o hino a Nossa Senhora da Paz, Miraculosa, de autoria musical de Fausto Neves e letra de Carlos de Morais, outro grande vulto que juntamente contribuiu para a criação de operetas. Destacamos a opereta “No seio das Ondas” que obteve grande sucesso pelos palcos deste país. Participou em inúmeros festivais e encontros de coros pelo país e pelo estrangeiro, tendo tido o privilégio de atuar na Assembleia da República por duas vezes, tendo da primeira vez sido dirigidos pela anterior maestrina Tamara Sargsyan e recentemente pelo atual maestro Samuel Santos.

Ao Longo do tempo foi coroado de reconhecimento artístico, social e político. Foi distinguido com a Comenda de Cavaleiro da Ordem de Benemerência em 1941, pelo governo de então; Medalha de prata da Cidade de Espinho; Corbata de Honra da Cidade da Corunha; Sócio Benemérito dos Bombeiros Voluntários e Medalha de Ouro atribuída pelo Governo Regional de Aveiro em 2011, ano em comemorou no Salão nobre do Casino de Espinho o seu centenário num extraordinário evento. Sob a pena do Dr. Azevedo Brandão o Orfeão vê em Julho de 2013 editado o seu primeiro livro comemorativo. Uma ampla abordagem historiográfica acompanhada da gravação do seu primeiro CD. A primeira captação áudio efetuada pelo coral do orfeão de Espinho foi realizada em 1939 para a primeira emissão da BBC em Português. Passados 74 anos o orfeão vem editar o seu primeiro CD.

Atualmente, a grande dinâmica artística desta sociedade coral, é continuada pelo Maestro Samuel Santos que desde 2010 assume a direção artística, apoiado pela Pianista Isabel Rodrigues.